IMPORTÂNCIA DA IMPLEMENTAÇÃO DO NÚCLEO DE SEGURANÇA DO PACIENTE (NSP)

Autores

  • Aryanne Cristina Lopes
  • Luiza Alves Silva Barbosa
  • Rívia Regina Lopes
  • Luciene de Souza Barbosa Gomes Silva

Palavras-chave:

Eventos Adversos, Protocolos, Saúde

Resumo

A Constituição Federal de 1988, garantiu a saúde como um direito social e instituiu o Sistema Único de Saúde (SUS). Para assegurar a aplicabilidade deste direito a Agencia Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) regulamenta os setores envolvidos através de normativas. Este trabalho teve como objetivo avaliar a importância da implantação do Núcleo de Segurança do Paciente (NSP) em estabelecimentos de saúde, com a verificação e avaliação dos Eventos Adversos (EA) relacionados a segurança do paciente, por meio de legislações e protocolos para implementação de uma Política Nacional de Segurança do Paciente (PNSP). Para o desenvolvimento deste trabalho foi realizado uma pesquisa de artigos e normativas relacionadas a implementação NSP em instituições de saúde públicas, privadas e filantrópicas. A estruturação do núcleo de segurança do paciente demonstrou grande relevância nas organizações onde foi instituído. A conscientização e implementação dos protocolos de segurança do paciente geraram institucionalmente maior qualidade na assistência prestada.

Downloads

Publicado

2020-06-30

Edição

Seção

Vigilância Sanitária e Assuntos Regulatórios