A importância da participação do Consumidor na Coleta Seletiva e na Logística reversados Resíduos Sólidos Domiciliares no município de Anápolis.

  • Ana Paula da Costa Oliveira
  • André Luiz Caes
  • Abadia de Lourdes da Cunha
  • Carmencita Tonelini Pereira
  • Frank Rocha Batista
  • Nícolas Oliveira Moraes
Palavras-chave: Política Nacional de Resíduos Sólidos, Responsabilidade Compartilhada, Educação ambiental

Resumo

O presente trabalho é parte da dissertação apresentada no programa de Pós-Graduação Stricto Sensu da Universidade Estadual de Goiás, Câmpus Morrinhos e propõe uma análise da participação do consumidor do Município de Anápolis-GO, na gestão integrada dos resíduos sólidos, com enfoque nos resíduos sólidos domiciliares (RSD), a logística reversa destes produtos e a destinação final para a coleta seletiva, em consonância com a Lei 12.305/2010, que instituiu a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), o Decreto Regulamentador n. 7.404/2010, que dispõe sobre a logística reversa, dentre outros dispositivos legais pertinentes a matéria ambiental.

Com relação à metodologia, a pesquisa teve um enfoque qualitativo/descritivo, buscando estudar e compreender a temática acerca da participação do consumidor em relação a geração e o descarte dos resíduos sólidos domiciliares. Nesse sentido, utilizou-se o método de pesquisa descritivo, com o caráter de explicar determinado fenômeno (MARCONI: LAKATOS, 2010). Importante destacar que se buscou realizar uma pesquisa crítica no aspecto histórico com o intuito de compreender o surgimento de certos discursos e normativas referentes a temática. No que se refere à pesquisa empírica, buscou-se registros fotográficos de parques, praças, ruas, pontos de entrega voluntárias (Pev’s) e de outros pontos relevantes na temática da coleta de resíduos sólidos na cidade de Anápolis.

No aspecto das técnicas de pesquisa, utilizou-se a pesquisa bibliográfica, tanto de fontes primárias (leis, documentos oficiais, decretos, entre outros) como fontes secundárias utilizou–se de literatura sobre o assunto e a pesquisa de campo foi exploratória-descritiva, com o intuito de compreender melhor o objeto pesquisado que era a comunidade Anapolina e a sua participação frente as normativas e descrever a percepção individual. Além da observação direta foram utilizados como procedimentos um questionário disponibilizado online para a coleta da percepção dos pesquisados sobre a temática.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2017-11-16
Seção
Resíduos Sólidos e Meio Ambiente