INDICADORES DE SUSTENTABILIDADE AMBIENTAL E SOCIAL NA AGRICULTURA FAMILIAR - O CASO DO ASSENTAMENTO CANUDOS EM GUAPÓ-GOIÁS.

  • Kelly Teixeira Norões
  • Vívian da Silva Braz
Palavras-chave: Agricultura familiar, Soberania alimentar, Assentamentos, . Indicadores de sustentabilidade

Resumo

O aparecimento da temática ambiental tem sido constante nos conflitos de luta pelo acesso a terra. Ora presente em assentamentos de reforma agrária por todo o país, tais conflitos colocam a questão ambiental como um elemento importante no aprendizado e prática dos diversos atores sociais envolvidos, como agricultores assentados, instituições do poder público e movimentos sociais.

A reflexão acerca da sustentabilidade ambiental no âmbito da reforma agrária traz mais um elemento representativo da complexidade dos assentamentos rurais, resultantes da ação organizada de trabalhadores rurais em torno da conquista da terra e da ação transformadora sobre a natureza na construção destes espaços.

O presente trabalho terá por objetivo estudar a sustentabilidade ambiental e social da agricultura familiar em assentamento de reforma agrária, detende como estudo de caso o assentamento Canudos, ora localizado na Fazenda Palmeiras situada no município de Guapó, Goiás, com intuito de diagnosticar possíveis entraves quanto ao desenvolvimento sustentável e a promoção da soberania alimentar.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2017-11-13
Seção
Cidade Sustentável e Qualidade de Vida