Avaliação da Temperatura Interna e Externa de Coberturas Alternativas Utilizadas em Instalações Avícolas

  • Eduardo Alves de Almeida
  • Wanessa Mesquita Godoi
  • Roberta Passini
Palavras-chave: conforto térmico, sustentabilidade, telhas alternativas, aves, radiação

Resumo

O presente trabalho foi desenvolvido objetivando comparar diferentes tipos de coberturas em instalações para aves por meio da Temperatura da Superfície Externa (TSE) e Temperatura da Superfície Interna (TSI) das coberturas. O delineamento experimental adotado foi inteiramente casualizado, composto por cinco tratamentos: CA–Cimento Amianto; BA–Bambu; BAP–Bambu pintado de Branco; FB–Fibra vegetal e Betume; FBP–Fibra vegetal e Betume Pintada de branco, com 15 repetições, sendo as repetições os dias de medição. Como variáveis ambientais foram coletadas a temperatura da superfície interna e externa das coberturas, às 8h, 10h, 12h, 14h, 16h e 18h. Os dados foram analisados pelo programa SisVar 5.1®, através da análise de variância e teste de Skott Knott para a comparação de médias, a 1% de significância. A cobertura FB apresentou o pior desempenho térmico quando comparada as demais coberturas, sendo o melhor resultado observado na cobertura BAP na região estudada.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2018-08-20
Seção
Tecnologia e Meio Ambiente