AVALIAÇÃO DO USO DO HABITAT E ECOLOGIA TRÓFICA DE PEIXES PERCIFORMES UTILIZANDO ATRIBUTOS ECOMORFOLÓGICOS

  • Lorranne Christiely Marçal Higino
  • Francisco Leonardo Tejerina-Garro
  • Nicelly Braudes Araújo
  • Rodrigo Assis de Carvalho

Resumo

O ambiente inclui diferentes formas de vida que possuem particularidades e
desempenham funções especificas no meio. Os peixes exibem uma diversidade
morfológica e ecológica extensa, que é espelhada nas relações entre as formas deste
organismo e seus respectivos modos de vida. Assim a relação entre a morfologia e
ecologia indica o modo como às espécies de peixes usufruem do meio (Cunico &
Agostinho, 2006; Mazzoni et al., 2010). Além disso, os peixes devido à ampla diversidade
morfológica apresentada são considerados como uma importante fonte na obtenção de
respostas ecológicas (Winemiller, 1991).
Os ciclídeos pertencem à ordem Perciformes e se distribuem pela América do Sul,
América do Norte, América Central dentre outros locais (Kullander, 1998), e são
encontrados em diversos ambientes aquáticos de água doce e inclusive salobra (Sampaio
et al., 2011). Na América do Sul são encontradas cerca de 450 espécies descritas de
ciclídeos (Kullander & Ferreira, 2006), sendo que no Brasil são encontradas 250 espécies
(Buckup & Teixeira, 2007; Garcia et al., 2013).

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2018-08-20
Seção
Cerrado, Recursos Naturais e Bacia Hidrográfica