HUMANIZAÇÃO DO ATENDIMENTO EM FISIOTERAPIA

  • Eduarda Caroline Alves Latorre
  • Geovanna Valeriano de Barros
  • Giovanna Alves Vieira
  • Larissa Cipriano Pereira
  • Lorena Alves Vieira
  • João Martins de Oliveira Filho
  • Fabiane Alves de Carvalho Ribeiro
  • Ilana de Freitas Pinheiro

Resumo

Objetivo: Este trabalho teve como objetivo fazer uma revisão de literatura sobre a humanização do atendimento em fisioterapia. Metodologia: O levantamento bibliográfico foi realizado de agosto a novembro de 2019, nas bases de dados eletrônicas Scielo, Google Acadêmico e LILACS. Utilizou-se, como estratégia de pesquisa, nas bases de dados, a combinação das palavra-chave com termos booleanos: “humanização” AND “fisioterapia” AND “bioética”. As buscas foram limitadas por idioma Língua Portuguesa e data de publicação entre os anos de 2009 e 2017. Resultados: Observou-se que o atendimento fisioterapêutico é humanizado, no qual foi comprovado todos os artigos analisados nesse presente trabalho. Nota-se que a conduta do Fisioterapeuta deve ser de caráter humanizado, pois é de extrema importância um bom atendimento para uma melhor recuperação do paciente. Conclusões: O atendimento em Fisioterapia deve ser humanizado, buscando o bem estar e a recuperação da qualidade de vida do paciente. Foram comprovados e citados a importância da Humanização como por exemplo em Hospitais, UTI (Unidade de terapia intensiva) e até mesmo em atendimentos domiciliares.

Publicado
2019-12-01
Seção
XVII Mostra Acadêmida do Curso de Fisioterapia