Perfil socioepidemiológico de indivíduos infectados por HIV em um Município do Estado de Goiás

  • Isabela Cristina Evangelista Vaz de Araújo faceg
  • Elias Emanuel Silva Mota
Palavras-chave: hiv, incidência, perfil sociodemográfico, epidemiologia

Resumo

Introdução: O Vírus da Imunodeficiência Humana (HIV) acomete as células de defesa do organismo, denominadas como: macrófagos, células dendríticas, monócitos e as células CD4+ oriundas dos linfócitos T. Pode ser transmitido através do contato direto com indivíduos infectados pelo vírus a partir da proximidade com o sêmen e/ou secreções vaginais por via sexual, sendo essas relações: vaginais, anais e/ou sexo oral.  Objetivos: Caracterizar o perfil sociodemográfico e epidemiológico de indivíduos com HIV/AIDS. Método: Estudo descritivo, de abordagem quantitativa. A coleta de dados ocorrerá a partir da análise de fichas de notificações compulsórias de HIV/AIDS. Todas as informações a serem estudadas estão arquivadas na sede da vigilância epidemiológica do Município. Serão analisadas 79 fichas de casos suspeitos e/ou confirmados que compreendem ao período de 2009 a 2019. Dentre as respectivas fichas, as variáveis impreteríveis para a execução do estudo consistem em sociodemográficas (idade, sexo, raça, data de notificação e bairro) e epidemiológicas (forma de contágio, incidência de casos notificáveis, tipos de relações sexuais e se há ou não a presença de múltiplos parceiros ou se são parceiros fixos). As informações, após análises descritivas e testes estatísticos, serão organizadas em gráficos e tabelas no editor de planilhas da Microsoft Office Excel. Resultados esperados: Espera-se interpretar qual o perfil socioepidemiológico se encontra em situação de vulnerabilidade. Assim como, abranger conhecimentos referentes a patologia para os profissionais da saúde.

 

Publicado
2019-11-02