TORTA DE FILTRO NO CONTROLE DO NEMATOIDE DAS LESÕES RADICULARES NA CULTURA DA SOJA

  • Rafaela Santos de Oliveira Faculdade Evangélica de Goianésia
  • Manoel Henrique Reis de Oliveira Instituto Federal Goiano- Campus Ceres
  • Kenia Lorrany Trindade IFGoiano-Campus Ceres
  • Grasiele Teixeira da Silva Faculdade Evangélica de Goianésia
  • Rafael Matias da Silva IFGoiano-Campus Ceres
  • Anderli Divina Ferreira Rios Faculdade Evangélica de Goianésia
Palavras-chave: Fitonematoides, Pratylenchus brachyurus, Glycine max, resíduo orgânico

Resumo

Diversos métodos podem ser empregados no controle do nematoide Pratylenchus brachyurus, como por exemplo, o uso de resíduos orgânicos (Ferraz et al., 2010). Diversos resíduos são gerados durante o processamento agroindustrial e o aproveitamento desses subprodutos na agricultura pode ser uma opção ecologicamente desejável. Os resíduos agroindustriais mais estudados no controle de nematoides são as tortas de sementes, cascas de café, bagaço de cana de açúcar e torta de filtro que é um resíduo da indústria de açúcar e álcool (Ferraz et al., 2010). Diante disso, objetivou-se com o estudo avaliar o efeito da torta de filtro na redução da densidade populacional de P. brachyurus. O experimento foi conduzido em ambiente protegido e o delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado com quatro repetições, em esquema fatorial (2 genótipos de soja x 4 doses de torta de filtro) totalizando 8 tratamentos e 32 unidades experimentais. O solo naturalmente infestado utilizado foi obtido de propriedade comercial com histórico de reboleira do nematoide e foi homogeneizado para a composição do substrato em 2x1(solo naturalmente infestados e areia esterilizados por autoclave). O substrato formado foi dispostos em vasos plásticos. Duas cultivares de soja, Monsanto AS 3810 e LG 60163 IPRO foram semeadas nos vasos.  Aos 30 Dias Após a Semeadura (DAS) da soja foram inseridos nos vasos 150 gramas de solo naturalmente infestado com o nematoide. A aplicação da torta de filtro foi realizada nas seguintes doses: 0; 10; 20; 30 t ha -1.  Em laboratório, as raízes foram processadas para a extração dos nematoides conforme metodologia descrita por Coolen & D’Herde (1972).  A identificação e quantificação foi realizada com o auxílio de microscópio óptico com o auxilio de uma câmara de Peters. A análise nematologica do solo constatou a infestação do nematoide e apresentou 500 indivíduos por 100 cm³ de solo. As avaliações realizadas demonstram que houve diferenças significativas em todas as variáveis analisadas, com interação entre as doses e as cultivares. Redução na altura da planta foi observada de acordo com o aumento das doses de torta de filtro, porém deve levar em consideração as características morfológicas de cada cultivar. Para o peso da parte aérea, houve diferença apenas na cultivar MS 3810. As duas cultivares de soja utilizadas no estudo foram suscetíveis ao nematoide e apresentaram altas densidades populacionais do nematoide (Ocorreram diferenças entre as doses e entre as cultivares de soja utilizadas, mas, observa-se que em todos os tratamentos a torta de filtro não controlou o nematoide. Sabe-se que os fertilizantes orgânicos a base de resíduos agroindustriais podem reduzir a penetração de Pratylenchus brachyurus em raízes de planta conforme resultados de outros estudos (SCHMITT, 2015). Diante disso, é importante continuar as investigações sobre a ação da torta de filtro no controle de nematoides, principalmente em experimento em campo e com maior tempo de reação da torta de filtro no solo.

Fomento: FACEG- Faculdade Evangélica de Goianésia

 

Biografia do Autor

Manoel Henrique Reis de Oliveira, Instituto Federal Goiano- Campus Ceres

Mestrando- IFGoiano-Campus Ceres

Publicado
2018-10-24