Engenharia de Requisitos: Boas Práticas para Elicitação de Requisitos

  • Bruno D’Lucca Silva Carvalho Centro Universitário de Anápolis, UniEVANGELICA, Brasil.
Palavras-chave: Engenharia de Requisitos, Elicitação de Requisitos, Prática Inovadora, Inovação Tecnológica

Resumo

Este trabalho se inicia apresentando a importância da definição dos requisitos de forma eficiente e algumas consequências que um processo de elicitação falho pode acarretar. A problemática consiste na falta de experiência e conhecimento de analistas de requisitos iniciantes, que contribui para a introdução de falhas no processo de elicitação e, em consequência, na entrega de um produto que não atende às expectativas e necessidades do cliente. Como ambiente de estudo de caso, descreve-se a Fábrica de Tecnologias Turing (FTT), um instrumento para a prática inovadora no processo de aprendizagem na Engenharia de Software, bem como espaço propício para a geração de inovação tecnológica. Neste contexto, apresenta-se a engenharia de requisitos como uma subárea da Engenharia de Software, bem como sua importância diante da problemática descrita, enfatizando-se a atividade de elicitação para a identificação e especificação dos requisitos.

Biografia do Autor

Bruno D’Lucca Silva Carvalho, Centro Universitário de Anápolis, UniEVANGELICA, Brasil.

Bacharelado em Engenharia de Computação – Centro Universitário de Anápolis (UniEVANGÉLICA) – Anápolis - GO

Publicado
2018-12-20
Como Citar
Carvalho, B. D. S. (2018). Engenharia de Requisitos: Boas Práticas para Elicitação de Requisitos. Revista Ada Lovelace, 2, 63-71. Recuperado de http://anais.unievangelica.edu.br/index.php/adalovelace/article/view/4646
Seção
Relatórios Técnicos