IMPLEMENTAÇÃO DE UM MANIPULADOR EM UMA MONTADORA DE VEÍCULOS: UM ESTUDO SOB A ÓTICA DA ERGONOMIA

Autores

  • Thales Gabriel de Sousa Pedro
  • Paulo Augusto Lima Grande
  • Paulo Henrique de Almeida Celestino
  • Márcio José Dias
  • Rosemberg Fortes Nunes Rodrigues

Palavras-chave:

para-brisa, lean manufacturing, ergonomia

Resumo

Durante todo o processo da evolução industrial, é perceptível a busca intensa por melhorias, levando diversos revolucionários a desenvolverem técnicas, ferramentas e programas para chegar a uma produção industrial cada vez mais tecnológica, sofisticada e eficiente. Podendo citar, como um dos maiores exemplos de revolução dos processos fabris, as indústrias Toyota que nos apresentaram conceitos a frente de seu tempo, dando início ao conceito que chamamos de lean manufacturing, o qual estabelece uma produção “enxuta”, sem desperdícios, com o maior aproveitamento possível em um menor tempo. Este artigo teve como objetivo principal relacionar o conceito lean à implementação de um manipulador na pré-montagem do para-brisa em uma montadora de veículos, com foco na análise das condições ergonômicas do colaborador, onde verificou-se que o processo demandava mais tempo e mão-de-obra, exigia mais esforços físicos por parte dos colaboradores e apresentava alguns desperdícios. Após os estudos realizados e a instalação concluída, é perceptível, qualitativamente, os diversos benefícios alcançados pela montadora, como a adequação das condições de trabalho com as condições psicofisiológicas dos colaboradores.

 

Referências

RODRIGUES, MARCUS V. “ENTENDENDO, APRENDENDO E DESENVOLVENDO SISTEMA DE PRODUÇÃO LEAN MANUFACTURING”. 2ª Ed. Rio de Janeiro: Elsevier Editora Ltda, 2016.

OHNO, TAIICHI. “O SISTEMA TOYOTA DE PRODUÇÃO: ALÉM DA PRODUÇÃO EM LARGA ESCALA”. Bookman, 1997.

DENNIS, PASCAL. “PRODUÇÃO LEAN SIMPLIFICADA”. 2ª Ed. Porto Alegre: Bookman, 2008

ANTUNES, JUNICO. “SISTEMAS DE PRODUÇÃO: CONCEITOS E PRÁTICAS PARA PROJETO E GESTÃO DA PRODUÇÃO ENXUTA”. Porto Alegre: Bookman, 2008.

PINTO, JOÃO P. “INTRODUÇÃO AO PENSAMENTO LEAN: A FILOSOFIA DAS ORGANIZAÇÕES VENCEDORAS”. 6ª Ed., Editora Lidel, 2009.

LOPES, ANTÔNIO M. “MODELAÇÃO CINEMÁTICA E DINÂMICA DE MANIPULADORES DE ESTUTURA EM SÉRIE”. Dissertação (Mestrado) – Faculdade de Engenharia, Universidade do Porto, 2002.

SIMPLÍCIO, PAULO V. G. “MANIPULADORES ROBÓTICOS INDUSTRIAIS”. Caderno de Graduação-Ciências Exatas e Tecnológicas – UNIT, Sergipe, v. 3, n. 3, p. 85-94, 2016.

VILELA, RODOLFO A. G. “DA VIGILÂNCIA PARA PREVENÇÃO DE ACIDENTES DE TRABALHO: UMA CONTRIBUIÇÃO DA ERGONOMIA DA ATIVIDADE”. Ciência e Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v. 17, n.10, p.2817-2830, 2012.

SELL, INGEBORG. “A CONTRIBUIÇÃO DA ERGONOMIA NA SEGURANÇA DO TRABALHO”. Revista Brasileira de Saúde Ocupacional, p. 44-9, 1990.

FERREIRA, MÁRIO CESAR. “ERGONOMIA DA ATIVIDADE APLICADA Á QUALIDADE DE VIDA NO TRABALHO: LUGAR, IMPORTÂNCIA E CONTRIBUIÇÃO DA ANÁLISE ERGONÔMICA DO TRABALHO (AET)”. Revista Brasileira de Saúde Ocupacional, v. 40, p. 18-29, 2015.

JUNIOR, MOACYR M. CARDOSO. “AVALIAÇÃO ERGONÔMICA: REVISÃO DOS MÉTODOS PARA AVALIAÇÃO POSTURAL”. Revista produção online, v. 6, n. 3, 2006.

ASSUNÇÃO, ADA A.; LIMA, FRANCISCO DE P. A. “A CONTRIBUIÇÃO DA ERGONOMIA PARA A IDENTIFICAÇÃO, REDUÇÃO E ELIMINAÇÃO DA NOCIVIDADE DO TRABALHO”. Patologia do trabalho, Rio de Janeiro: Ed. Atheneu, v. 2, p. 1767-1789, 2003.

IIDA, ITIRO; BUARQUE, LIA. “ERGONOMIA: PROJETO E PRODUÇÃO”. Editora Blucher, 2016.

CORREA, VANDERLEI M.; BOLETTI, ROSANE R. “ERGONOMIA: FUNDAMENTOS E APLICAÇÕES”. Bookman Editora, 2015.

GUÉRIN, FRANÇOIS; KERGUELEN, A.; LAVILLE, A. “COMPREENDER O TRABALHO PARA TRANSFORMÁ-LO: A PRÁTICA DA ERGONOMIA”. Editora Blucher, 2001.

SANTOS, DÉBORA M. “LER/DORT ATINGE 3,5 MILHÔES DE TRABALHADORES”.Fundacentro, 2016. Disponível em: https://www.gov.br/fundacentro/pt-br/assuntos/noticias/noticias/2016/2/pesquisadores-da-fundacentro-comentam-sobre-a-lerdort. Acesso em: 12 dez. 2021

DIEGO-MAS; ANTONIO, JOSÉ. “EVALUACIÓN POSTURAL MENDIANTE EL MÉTODO OWAS”. Ergonautas, Universidad Politécnica de Valencia, 2015. Disponível em: http://www.ergonautas.upv.es/metodos/owas/owas-ayuda.php. Acesso em: 12 dez. 2021

Downloads

Publicado

2022-03-18