USO DE DADOS SRTM DE 1 ARCO DE SEGUNDO PARA CARACTERIZAÇÃO MORFOMÉTRICA DA BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO DO PATOS, GOIÁS

Autores

  • Wagner Gonçalves Vieira Junior
  • Leidiane dos Santos LUcas
  • Diogo Jânio de Carvalho Matos
  • Gustavo Henrique Mendes Brito

Palavras-chave:

Modelo Digital de Elevação, Morfometria, Geoprocessamento, SIG

Resumo

Este trabalho teve como a caracterização morfométrica da bacia hidrográfica do rio dos Patos, Goiás, utilizando modelos digitais de elevação (SRTM) de um arco de segundos. Foi utilizada a metodologia proposta por Cardoso et al (2006) e calculado coeficiente de compacidade, fator de forma, densidade de drenagem, índice de circularidade, declividade media da bacia, área e perímetro de drenagem, e a ordem dos cursos d’ água, utilizando os sistema de informação geográficas (SIG) como auxilio do software ArcGis. A área drenagem encontrada foi 2280,69 Km² e o perímetro de 272,42 Km. A bacia hidrográfica do rio dos Patos tem formato alongado, coeficiente de compacidade de 1,61, fator de forma de 0,22, índice de circularidade de 0,39 e densidade de drenagem de 0,78 Km/Km². De acordo com os resultados encontrados, a bacia hidrográfica do rio dos Patos é pouco susceptível a enchentes em condições normais de precipitações, além disso os dados SRTM de uma arco de segundo podem ser utilizados para a caracterização morfométrica de bacias hidrográficas e auxiliar na gestão de recursos hídricos.

Downloads

Publicado

2015-12-30

Edição

Seção

CIPEEX 2015 - FACEG - Poster