RESÍDUOS SÓLIDOS E A MICRORREGIÃO DE CERES-GO: EVOLUÇÃO HISTÒRICA DE UMA REALIDADE ATUAL

  • Claudia De Tomasi Grassi Alencar
  • Izabel Cristina Bruno Bacellar Zaneti
Palavras-chave: Resíduos sólidos urbanos, Destinação final dos resíduos, Crescimento populacional, Evolução histórica

Resumo

O presente artigo objetiva fazer um levantamento histórico sobre a produção dos resíduos sólidos, sua relação com o crescimento populacional e a disposição final nos municípios de Ceres, Goianésia e Rialma, na Microrregião de Ceres – Goiás, buscando subsídios que permitam uma análise mais ampla deste problema. A metodologia utilizada foi à pesquisa bibliográfica, documental e de dados estatísticos que nos levam a constatar que a quantidade e complexidade de resíduos estão diretamente relacionadas ao crescimento populacional e que, apesar dessa realidade de volumes crescentes, as soluções continuam tímidas e insuficientes, e sem a devida urgência na busca de soluções no momento atual e para o futuro.

Referências

ABRELPE- Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais Panorama de Resíduos Sólidos no Brasil- 2010. São Paulo: Abrelpe; 2010


ANA - Agência Nacional de Águas (Brasil).
- Conjuntura dos recursos hídricos no Brasil: 2013 / Agência Nacional de Águas- Brasília: ANA, 2013
- Atlas Esgotos: despoluição de Bacias Hidrográficas. Brasília. ANA, 2017. Disponível em: http://www.snirh.gov.br/portal/snirh/snirh-1/atlas-esgotos


CNM - Confederação Nacional dos Municípios - Observatório dos lixões


IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística :
- Pesquisa Nacional de Saneamento Básico, PNSB – 1991 , 2000 e 2008. Rio de Janeiro: IBGE;
MINISTÈRIO DAS CIDADES/ SNSA- Secretaria Nacional de Saneamento Ambiental
-. Panorama dos Planos Municipais de Saneamento Básico – Edição Janeiro 2017
- Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento. Brasília:SNSA/MCIDADES, 2018.
- Diagnóstico do manejo de Resíduos Sólidos Urbanos – 2016
- Diagnóstico dos Serviços de Água e Esgoto – 2016.


OLIVEIRA, Hamilton Afonso. A população de Goiás na Transição da Mineração para a Pecuária (1804). História Revista - Revista da Faculdade de História e do Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal de Goiás – 2016


SILVA, Sandro Dutra. Os estigmatizados: Distinções urbanas às margens do Rio das Almas em Goiás (1941-1959). Tese de Doutorado (Doutorado em História). Universidade de Brasília, Brasília, 2008.


SNIRH - Sistema Nacional de Informações sobre Recursos Hídricos: Mapas. Disponível: http://portal1.snirh.gov.br/ana/apps/webappviewer/index.html?id=b3d9cbc0b05b466a9cb4c014eba748b3


SOUZA, Yara Porfirio. Evolução do uso e da ocupação do solo da Microrregião de Ceres, Goiás nos anos de 1985,1995 e 2012. Dissertação Pós Graduação da UniEvangélica, Anápolis, 2014.


ZANETI, I.C.B.B. As sobras da modernidade. CORAG. Porto Alegre. 2006
Publicado
2019-01-03
Seção
IX Simpósio Nacional de Ciência e Meio Ambiente – SNCMA