TRATAMENTO DE ADENOCARCINOMA MUCINOSODE COLO DE ÚTERO EM PACIENTE COM VARIAÇÃO ANATÔMICA: RELATO DE CASO

  • Gabriel Somma de Araújo
  • Felipe Carrijo Montella
  • Isabella Carneiro Oliveira Gonçalves Vaz
  • Isabella Reis Ristov
  • Vanessa Lara Guimarães
  • Higor Chagas Cardoso
Palavras-chave: Adenocarcinoma. Colo de Útero. Radioterapia. Braquiterapia. Tratamento

Resumo

O adenocarcinoma de colo de útero corresponde a uma neoplasia maligna que tem origem de glândulas endocervicais. O tipo mucinoso corresponde àqueles adenocarcinomas que têm a capacidade de produzirem muco. Este estudo teve por objetivo relatar o tratamento diferenciado escolhido a partir de discussão multiprofissional para paciente oncológica com variação anatômica urinária rara, de acordo com suas especificidades anatômicas, fisiológicas e pessoais, e relacioná-lo com o tratamento padrão indicado para esse tipo específico de câncer (adenocarcinoma mucinoso de colo uterino NIC II, de estadiamento IB2). Paciente com 40 anos relata possuir anomalias do trato urinário (duplicidade de bexiga e uretra) e ter submetido-se à múltiplas correções cirúrgicas do trato gastrointestinal (duplicidade de intestino). Admitida no hospital em agosto de 2016 devido a alterações uterinas encontradas em avaliação ginecológica posterior. Ao exame especular, comprovada duplicidade de uretra, além de lesão úlcero-infiltrativa com secreção mucinosa de aproximadamente 4 cm. Ao toque vaginal, colo amolecido, com lesão móvel. Realizada ressonância magnética (RMN) pélvica e conização. Anatomopatológico da conização diagnosticou adenocarcinoma mucinoso invasor, estadiado em IB2. Considerando a possibilidade da presença de aderências por antecedentes cirúrgicos prévios e a vontade da paciente em manter sua fertilidade, optou-se pelo tratamento através de braquiterapia com adaptações, devido às variações anatômicas presentes.

Referências

BRASILEIRO FILHO, G. Bogliolo - Patologia. 8. ed. Rio de Janeiro: Gen, Guanabara Koogan, 2011.
CHUNG, T., et al. Stromal p16 Overexpression in Gastric-type Mucinous Carcinoma of the Uterine Cervix. Anticancer Research, v.38, n. 6, p. 3551-3558, 2018.
DENARDI, Umberto Arieiro et al. Enfermagem em Radioterapia. São Paulo: Lemar, 2008. INCA - Instituto Nacional do Câncer José Alencar Gomes da Silva. Registros de câncer de base populacional. Brasília: Ministério da Saúde, 2018.
KOLLER, F. J., et al. Epidemiologia do Câncer de Colo de Útero: Uma Realidade da Saúde Pública do Paraná. Publicatio UEPG: Ciências Biológicas e da Saúde, v. 22, n.2, p. 182- 186, 2016.
MENDES, J. A., FERREIRA, M. M. R. G., MANGUEIRA, T. F. Técnicas radioterápicas no processo de tratamento do carcinoma de colo de útero. Simpósio de Trabalhos De Conclusão de curso/ Seminário de Iniciação Científica, n. 12, p. 2574-2589, 2017.
NASCIMENTO, M. I., SILVA, G. A. Waiting time for radiotherapy in women with cervical cancer. Revista de Saúde Pública, v.49, n. 92, p. 1-9, 2015.
NORONHA, L.,et al. Estudo das malformações congênitas do aparelho urinário: análise de 6245 necropsias pediátricas. Jornal Brasileiro de Patologia e Medicina Laboratorial, v. 39, n.3, 237-243, 2003.
PADILHA, C. M. L., JUNIOR, M. L. C. A., SOUZA, S. A. L. Cytopathologic evaluation of patients submitted to radiotherapy for uterine cervix cancer. Revista da Associação Médica Brasileira, v. 63, n. 4, p. 379-385, 2017.
Rastreio, diagnóstico e tratamento do câncer de colo de útero. -- São Paulo: Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia (FEBRASGO), 2017.
Rastreamento, Diagnóstico e Tratamento do Carcinoma do Colo do Útero. Projeto Diretrizes Associação Médica Brasileira e Conselho Federal de Medicina, 2001.

SANTOS, F., et al. Adenocarcinoma do Colo do Útero: Um Verdadeiro Desafio Clínico. Acta Obstet Ginecol Port, v. 12, n. 1, p. 8-13, 2018.

TEIXEIRA, J. C., et al. Particularização do adenocarcinoma do colo frente ao conhecimento atual. FEMINA, v. 40, n. 5, p. 269-274, 2012.
GOVINDAN, R.; MORGENSZTERN, D. The Washington Manual Of Oncology. 3.ed. Wolters Kluwer: 2004.
Publicado
2018-12-27
Seção
XV Mostra de Saúde - 10 anos do Curso de Medicina