CONSTRUÇÃO DE EDIFICAÇÕES COM TECNOLOGIAS DE MATERIAIS SUSTENTÁVEIS: ESTUDO SOBRE O EDIFÍCIO DA ACADEMIA DE CIÊNCIAS DA CALIFÓRNIA

  • Gabriela de oliveira Silva
  • Hugo César Castro
  • Mary Hellen da costa Monteiro
  • Sara Sanches
Palavras-chave: Sustentabilidade, Engenharia Civil, Edificação

Resumo

A sociedade globalizada está em ascendente crescimento econômico, tecnológico, científico, político e cultural. Com isso, a expansão dos espaços urbanos tem aplicado a sustentabilidade como forma de solução para os problemas ambientais. A sustentabilidade, por sua vez, tem por objetivo promover a preservação dos recursos ambientais para as próximas gerações, preocupando-se sempre com a continuidade do meio ambiente e sua estrutura universal para manutenção da vida no planeta. Nesse contexto, a Engenharia Civil busca soluções e tecnologias de construções de edificações com materiais que atendam os requisitos da sustentabilidade, desde o processo de planejamento, execução e uso até a manutenção das edificações sem impactos no meio ambiente. Um aspecto fundamental nos projetos (estrutural, elétrico, hidrossanitário e arquitetônico) é a análise de viabilidade financeira da obra em relação aos materiais sustentáveis que serão utilizados. Também devem ser consideradas as características estruturais dos materiais e a relação entre eles na edificação como um todo, sendo esta uma preocupação da mecânica aplicada aos materiais de construção. Este trabalho, tem por objetivo a análise sistemática de uma edificação sustentável, seus elementos e a relação entre eles no contexto e princípios da mecânica aplicada. A edificação utilizada foi a Academia de Ciências da Califórnia, localizada no Golden Gate Park e inaugurada em 2008, reconstruída após danos causados por um terremoto em 1989. Os resultados da análise e discussão neste trabalho podem apresentar elementos importantes a serem considerados em projetos de edificações de pequeno, médio e grande porte, aplicando os princípios de sustentabilidade em todas as etapas de construção.

Referências

[1] KITCHENHAM, B. A.; DYBA, T.; JORGENSEN, M. (2004). Evidence-based Software Engineering. Proceedings of the 26th International Conference on Software Engineering (ICSE’04), Scotland

[2] PAIVA, Cida. Renzo Piano e Stantec Architecture: Academia de Ciências, Califórnia. Finestra, edição 68. 2017.

[3] SAINT GOBAIN GLASS. Disponível em: . Acesso em: 20 mai. 2018.

[4]TIMGRIFFITH. Disponível em: < https://www.timgriffith.com/ >. Acesso em: 20 mai. 2018.

[5] DELAQUA VICTOR, Disponível em: < https://www.archdaily.com.br > Acesso em : 20 de mai. 2018.
Publicado
2018-12-20
Seção
IX Simpósio Nacional de Ciência e Meio Ambiente – SNCMA