ANTROPIZAÇÃO E OCUPAÇÃO URBANA EM ANÁPOLIS: CAUSAS E CONSEQUÊNCIAS DA CARÊNCIA DE PLANEJAMENTO

  • Bruno de Sousa Santos
  • João Paulo Pereira Cunha
  • Carlos Eduardo Fernandes
Palavras-chave: Antropização, Anápolis, Rio das Antas, Córrego Água Fria

Resumo

Anápolis é uma cidade situada no centro de Goiás, localizada a aproximadamente 60 km de Goiânia e a 156 km de Brasília, com economia bastante diversificada, a cidade é de grande importância para a economia do estado e é alvo de olhares de empresas multinacionais, porém o crescimento desordenado e a falta de planejamento na cidade ocasionaram diversos transtornos, entre eles a ocupação imprópria de margens de rios, o lançamento de redes de esgotos e resíduos sólidos em rios que dão origem a enchentes, assoreamento, erosões, fortes odores, e causam impactos ambientais negativos e problemas de saúde. A metodologia adotada foi um estudo de caso qualitativo sobre a cidade de Anápolis, com uma análise dos problemas ocasionados pela antropização e ocupação urbana em virtude da deficiência de planejamento, com enfoque nas áreas da bacia do Rio das Antas e do Córrego Água Fria, onde foram mapeados e analisados os trechos críticos para entender a origem dos problemas e propor medidas para solução dos mesmos.

Referências

BONOME, José Roberto et al. Políticas Públicas Sobre O Meio Ambiente Em Anápolis. Raízes no
Direito, v. 2, n. 1, p. 20-33, 2013.

8
BORBA, Odiones de Fátima; MILAGRES, Géssica Filgueiras; BARREIRA, Celene Cunha Monteiro
Antunes. Anápolis/go e suas interfaces com a região urbana do eixo Goiânia/GO–Brasília/DF.
Observatório Geográfico da América Latina, 2012.
BRITO, Amanda Martins. Efeitos da ocupação desordenada do solo às margens do córrego neblina
em Araguaína-TO. Revista Tocantinense de Geografia, v. 3, n. 4, 2014.
CLIMATE. Clima: Anápolis. Disponível em: . Acesso em
10 de maio de 2018.
CUNHA, Wânia Chagas Faria; SANTOS, Kesia Rodrigues dos. O Daia, a economia e o espaço
urbano de Anápolis(GO). Revista de Economia da UEG. Vol. 13, N.º 2, jul./dez. 2017.
FERREIRA, Edilene Porto. Caracterização Socioambiental da Microbacia do Rio das Antas no
município de Anápolis (Go): Subsídios para gestão e conservação. 187 p. 2009. Tese de Mestrado
em sociedade, tecnologia e meio ambiente - Centro Universitário de Anápolis, Goiás, 2009.
FILHO, W.L.P. Caracterização socioambiental da Microbacia do Ribeirão Piancó no município
de Anápolis (go): subsídios para Políticas Públicas, desenvolvimento sustentável e educação
ambiental. Tese (Mestrado em Sociedade, Tecnologia e Meio Ambiente) Centro Universitário de
Anápolis, Goiás. 2010.
FREITAS, R. A. Anápolis passado e presente. Anápolis: Voga, 1995.
MELLO, S. S. Na beira do rio tem uma cidade: urbanidade e valorização dos corpos d’água.
2008. 348f. Tese (Doutorado em Arquitetura e Urbanismo) – Faculdade de Arquitetura e Urbanismo,
Universidade de Brasília, Brasília, 2008.
MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE. Biodiversidade Brasileira. Brasília-DF 2012. Disponível em: <
http://www.biodiversidade.rs.gov.br/arquivos/BiodiversidadeBrasileira_ MMA.pdf>. Acesso em 07 de
maio de 2018.

9
PLANO DIRETOR DE ANÁPOLIS. Prefeitura Municipal de Anápolis-GO. 2016.
ROSS, Jurandyr Luciano Sanches. Análise empírica da fragilidade dos ambientes naturais
antropizados. Revista do departamento de geografia, v. 8, p. 63-74, 2011.
SILVA, Ercília de Fátima Pegorari et al. Ferrovias: da produção de riquezas ao apoio logístico no
Triângulo Mineiro. Dissertação (Mestrado) Universidade Federal de Uberlândia. 2008.
Publicado
2019-01-28
Seção
IX Simpósio Nacional de Ciência e Meio Ambiente – SNCMA