INCIDÊNCIA E PREVALÊNCIA DA DOENÇA DE CHAGAS NO BRASIL

  • Anna Luísa Barbosa Fernandes
  • Gil Guimarães Barbosa Trivelli
  • Júlia de Abreu Monteiro
  • Marina Ramos Ribeiro
  • Thaís Alonso Fagundes
  • Renata Silva do Prado
Palavras-chave: Trypanosoma cruzi. Doença de Chagas. Triatoma infestans.

Resumo

A Doença de Chagas (DC), tambémconhecida comoTripanossomíase Americana, é uma doença parasitária transmitida pelo protozoário Trypanosoma cruzi, presente nas fezes do mosquito vetor Triatoma infestans, liberadas após picada. Assim, com o intuito de realizar uma revisão bibliográfica foram pesquisados 5 artigos que abordassem o tema da DC nas diferentes regiões brasileiras, através  das plataformas Pubmed, Scielo e Google acadêmico, com o objetivo de retratar o panorama da incidência e prevalência da doença de Chagas no país. Desta forma, pode-se concluir que o Brasil é um dos principais focos endêmicos da doença de Chagas da América Latina, entretantoos dados sobre incidência e prevalência diminuíram ao longo dos anos,  gerando tanto uma hipótese de diminuição de casos quanto da escassez de pesquisas.

Referências

COSTA, M. L. Panorama atual da Doença de Chagas no Estado de Goiás. Universidade Federal de Goiás - Programa de Pós-graduação de Ciências Aplicadas à Saúde. Jataí. 2015.

DIAS, J. C. P. Globalizaçao, iniquidade e doença de chagas. Caderno de Saúde Pública, Rio de Janeiro, 2007.
COSTA, M. et al. Doença de Chagas: uma revisão bibliográfica

DIAS, J. C. P. et al. II Consenso Brasileiro em Doença de Chagas. Epidemiol. Serv. Saúde vol.25, Brasília, Junho 2016.

DIAS, J. C. P.; MACHADO, E. M. M.; VINHAES, A. L. F. M. C. Esboço geral e perspectiva da Doença de Chagas no Nordeste do Brasil. Caderno de Saúde Pública, Rio de Janeiro, 2016.

FRONTEIRAS, M. S. Doença de chagas. [S.l.]. 2018.
LOZANO, V. F. Avaliação da atividade antiparasitária e efeito sinérgico de compostos cumarínicos comparados ao benzonidazol em duas cepas de Trypanosoma cruzi. São Paulo. Dissertação. Universidade Bandeirantes de São Paulo. 2011.

PEREIRA, J. B. et al. Doença de Chagas na população urbana no distrito sanitário de Rio Verde, Mato Grosso do Sul, Brasil. Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, Setembro-Outubro 2001.

SILVEIRA, A. C. et al. Avaliação do sistema de vigilância entomológica da Doença de Chagas com participação comunitária em Mambaí e Buritinópolis, Estado de Goías. Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, Janeiro-Fevereiro 2009.

SIMÕES, T. C. et al. Chagas disease mortality in Brazil: A Bayesian analysis of age-period-cohort effects and forecasts for two decades. PLOS - Neglected Tropical Diseases.
Publicado
2018-12-28
Seção
XV Mostra de Saúde - 10 anos do Curso de Medicina