O PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO E OS ELEMENTOS QUE O COMPÕEM: UMA ANÁLISE TEÓRICO PRÁTICA

  • Welândia Carvalho dos Santos Inácio
  • Ester de Oliveira
  • Nubia Moreira Martins
  • André Rodrigues da Silva Filho
  • Maria Clemência Pinheiro de Lima Ferreira UniEVANGÉLICA

Resumo

O Projeto Político Pedagógico (PPP) é o documento representativo/identitário da escola. É nele que estão presentes as concepções e propostas que orientam todo o trabalho na instituição educacional. Partindo deste pressuposto, os professores do 6o período do curso de Pedagogia da UniEvangélica propuseram uma atividade integrativa, que consistiu na análise teórico-prática do PPP de uma das escolas campo de estágio quanto aos elementos do Currículo, das Políticas Públicas, da Gestão e da Ludicidade (disciplinas do período), na tentativa de observar se o cotidiano escolar expressa esses elementos da mesma forma que estão descritos no PPP. O objetivo do trabalho era investigar e apontar as relações teóricas, discursivas e práticas dos conteúdos destas áreas de conhecimento, sobre como estão presentes no documento e na realidade do dia a dia da escola. Observamos que o currículo pleno ministrado pela Unidade Escolar compreende os elementos da Base Nacional Comum Curricular com itens curriculares obrigatórios e uma parte diversificada para atender às individualidades dos alunos. A Matriz Curricular está fundamentada também na proposta das diretrizes da Secretaria da Educação Básica do Estado de Goiás e Secretaria Municipal de Educação, com objetivo de nortear o planejamento das atividades pedagógicas elaboradas pelos docentes. Quanto ao cotidiano escolar, observamos que os coordenadores pedagógicos possuem uma rotina de avaliação dos planos de aula e da prática docente. Sob os aspectos das Políticas Públicas constatamos que estas são mencionadas em diversos tópicos, como no plano de desenvolvimento da escola (PDE), assegurando o compromisso em busca de uma educação de qualidade, e democratizando as decisões e programas de ensino a partir de ações intersetoriais e dos dispositivos constitucionais legais vigentes. Nestes aspectos, no cotidiano escolar destacamos o apoio aos alunos com necessidades educativas especiais, e a presença do conselho escolar. Quanto à gestão, constatamos tanto no PPP quanto na prática, uma administração democrática, a qual prevê a escolha do diretor por processo eleitoral, com mandato de 3 anos, e não é permitida a reeleição. Constatamos em alguns tópicos do PPP conceitos modernos de gestão escolar, que favorecem a responsabilidade coletiva, pois o diretor não é mero administrador, mas sim um líder que monitora e acompanha todo o processo educativo. O PPP da instituição não descreve explicitamente a relação do lúdico no processo de ensino-aprendizagem, porém no cotidiano da escola os professores utilizam o teatro, a contação de histórias, leitura, dança, artes visuais, música e contemplam o lúdico da prática escolar. O presente estudo possibilitou uma reflexão do cotidiano na instituição chamando-nos a atenção para a necessidade de descrever no PPP as concepções que nortearão as ações na escola, as quais devem focar as questões pedagógicas e administrativas visando à aprendizagem e a função social da escola. Foi possível compreender que todas as áreas aqui citadas até podem ser consideradas em separado, mas tal fato é meramente administrativo e, portanto, se entrelaçam tanto na sua descrição quanto na prática, não sendo possível concretizá-las isoladamente.

Publicado
2019-01-03
Seção
V Mostra Científica do Curso Pedagogia