O USO DE RECURSOS TERAPÊUTICOS ALTERNATIVOS NA ÁREA SAÚDE DA MULHER

  • Carlos Henrique Viana Pereira de Deus
  • Évellyn Silva Souza
  • Gabriel Oliveira Hipolito
  • Imynah Allian Ribeiro Costa
  • Isadora Laís Vieira Abreu
  • Patrícia Fortes de Sousa Rincon
  • Yasmine Mendes de Morais
  • Elisangela Schmitt Mendes Moreira
  • Kelly Cristina Borges Tacon

Resumo

Introdução: O papel da Fisioterapia está cada vez mais importante na saúde da mulher, tem como objetivo ajudar as mulheres a se ajustar às mudanças físicas do começo ao final da gravidez e do puerpério atuando de forma multidisciplinar para que haja uma gravidez tranquila e que sejam tratadas as patologias que possam surgir. Observando a importância desta área fisioterapêutica e a preservação do meio ambiente, foram criados recursos alternativos, que auxiliam uma melhor adaptação da mulher no puerpério e pré-parto. Objetivo: Confeccionar de recursos terapêuticos alternativos, acessíveis às áreas de uroginecologia e obstetrícia. Métodos: Para a realização da pesquisa foi exercido um levantamento sobre o tema na base de dados Scielo e Pubmed, utilizando os descritores em saúde: uroginecologia, equipamentos, sustentabilidade. Também foi realizada uma entrevista com um profissional o qual permitiu coletar as principais necessidades da área, onde os mesmos serão apresentados através de uma mesa demonstrativa. Por fim foi criada a cunha fisioterapêutica, uma cadeira juntamente com uma almofada para auxilio na amamentação, além de pindas e um bambu personalizado para o relaxamento da gestante. Os equipamentos utilizados foram caixas de papelão, garrafas pet, tecido, isopor, ervas medicinais e bambu. Resultados: Observou-se que os recursos alternativos são relevantes, porém a falta de investimento é possivelmente devido a pouca divugação da fisioterapia na área de saúde da mulher, mas nota-se que eles podem contribuir positivamente tanto na menopausa devido aos altos índices de incontinência urinaria, quanto no pré-parto onde auxiliam na dor e no relaxamento da gestante, beneficiando no parto.  Conclusão: Com o desenvolvimento desse trabalho sustentável torna-se evidente a importância de materiais alternativos na confecção de recursos devido o baixo custo, reprodutibilidade e fácil acesso para instituição com baixo poder de aquisição.

Publicado
2019-01-08
Seção
XV Mostra Acadêmica do Curso Fisioterapia