CONFECÇÃO DE RECURSOS TERAPÊUTICOS ATRAVÉS DE MATERIAIS ALTERNATIVOS DENTRO DO PROGRAMA DE INTEGRAÇÃO DA SAÚDE COLETIVA

  • Amanda Gabrielly Oliveira
  • Gabrielly Gonçalves Castilho
  • João Martins de Oliveira Filho
  • Kimberly Neves Reis
  • Liandra Kellen Correa Bruno
  • Mélik Ferreira Garcia
  • Thaynara Ferreira Santana
  • Samara Lamounier Santana Parreira
  • Kelly Cristina Borges Tacon

Resumo

Introdução: A Saúde Pública foi sendo perpetuada no Brasil ao longo dos anos, tendo seu ápice na constituição de 1988 com a criação do Sistema Único de Saúde (SUS). Apesar da constituição ser bem estruturada, recursos orçamentários limitados problematizam a efetividade da lei. O fisioterapeuta constantemente se depara com falta de equipamentos que auxiliam no tratamento, sendo de grande importância a criatividade do profissional para produzir recursos terapêuticos de baixo custo ou recicláveis, ajudando-o no processo de reabilitação do paciente. Objetivos: Confeccionar recursos terapêuticos alternativos e acessíveis capazes de auxiliar no tratamento de pacientes atendidos na UBS. Métodos: Utilizou-se as bases de dados SciELO e Bireme para pesquisas sobre o tema e formam utilizados os descritores em saúde: Fisioterapia, Saúde Pública, Reabilitação, Unidade Básica de Saúde. Foi realizada entrevista com profissional da área que nos orientou sobre os recursos e formas de construção para obter melhores resultados. Foram confeccionados recursos fisioterapêuticos com alguns materiais cabo de rodo, para a construção de uma barra paralela; tampas de garrafa pet, esponjas, algodão, milho, plástico bolha, barbantes, botões e tecido para a confecção de um tapete sensorial e paletes recicláveis para uma base mais resistente que será colocado embaixo da barra paralela sendo destinado a área de saúde da criança, para formar uma tábua de inversão e eversão, foram utilizados paletes recicláveis, destinado a área da saúde do adulto. O trabalho vai ser apresentado em mesa demonstrativa. Resultados: Espera-se que os recursos produzidos auxiliam no tratamento de pacientes da UBS, para se tratar de um recurso com baixo custo, e modelo pode ser produzido para outras áreas e para diversos tipos de tratamento a barra paralela com tapete sensorial e barra de inversão e eversão, serão utilizados para melhora proprioceptiva, sensitiva de força e marcha, além de gerar uma melhora funcional e facilitar suas AVD´S. Conclusão: Conclui se que a criatividade do fisioterapeuta, aliada a utilização de objetos recicláveis é de extrema importância para que se possa enfrentar os problemas que ancoram ao serviço de saúde. Os recursos que foram confeccionados de forma reciclável para a UBS, serão utilizados como forma de auxílio para o tratamento dos pacientes, podendo obter assim, melhores resultados no quadro clínico de cada um deles.

Publicado
2019-01-08
Seção
XV Mostra Acadêmica do Curso Fisioterapia