USO DA METODOLOGIA ATIVA NOS CURSOS DE GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM

  • Meillyne Alves dos REIS
  • Joicy Mara Rezende ROLINDO
  • Tatiana Caexeta FERREIRA
  • Poliane Aglece da Silva SANTOS
Palavras-chave: Metodologia. Metodologia Ativo. Educação em Enfermagem. Educação em Enfermagem

Resumo

OBJETIVO: Descrever a aplicabilidade da metodologia ativa nos cursos de graduação em enfermagem para a obtenção das habilidades e competências necessárias ao profissional enfermeiro em conformidade com as Diretrizes Curriculares Nacionais (DCNs). METODOLOGIA:Trata-se de uma revisão integrativa da literatura composta de artigos publicados na Biblioteca Virtual de Saúde (BVS) e disponíveis em texto completo nas bases de dados: LILACS, Medline e BDENF,  no período entre 2010-2016. RESULTADOS: Os dados foram organizados em tabelas, quadros sinópticos, figuras e posteriormente categorizados. Foram incluídos quinze artigos no presente estudo. Emergiram as seguintes categorias: Novas descobertas e desafios do processo ensino aprendizagem nos cursos de graduação em enfermagem; e Estratégias de ensino-aprendizagem nos cursos de graduação em enfermagem. CONCLUSÃO: O estudo evidenciou dificuldades em relação aos métodos ativos de ensino/aprendizagem na formação do enfermeiro, as instituições de ensino e os próprios docentes tem que pensar, e repensar na construção de novas viabilidades de ações que modificam a maneira de atuação para o alcance do sucesso no processo de ensino-aprendizagem

Referências

BACKES, D. S. et al.Vivência teórico-prática inovadora no ensino de enfermagem. Esc. Anna Nery [online]., v.16, n.3, p. 597-602, 2012.

CAMPOS, L. R. G.; RIBEIRO, M. R. R.; DEPES, V. B. S. Autonomia do graduando em enfermagem na (re)construção do conhecimento mediado pela aprendizagem baseada em problemas. Rev. bras. enferm., Brasília , v. 67, n. 5, p. 818-824, out. 2014 .

CARRARO, T. E. et al. Socialização como processo dinâmico de aprendizagem na enfermagem. Uma proposta na metodologia ativa. Investigación y Educación en Enfermería [en linea], 29 (Julio-Sin mes), 248 -254. 2011

COGO, A. L. P. et al . Casos de papel e role play: estratégias de aprendizagem em enfermagem. Rev. Bras. Enferm., Brasília , v. 69, n. 6, p. 1231-1235, dez. 2016 .

CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO. CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR. Institui Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Graduação em Enfermagem. RESOLUÇÃO CNE/CES Nº 3, DE 7 DE NOVEMBRO DE 2001. Disponível em: . Acesso em: 21 fev. 2018.

DE OLIVEIRA COSTA, R. R. et al. O uso da simulação no contexto da educação e formação em saúde e enfermagem: uma reflexão acadêmica. Espaço para a Saúde-Revista de Saúde Pública do Paraná, v. 16, n. 1, p. 59-65, 2015.

FREITAS, M. I. P; CARMONA, E. V. Estudo de caso como estratégia de ensino do processo de enfermagem e do uso de linguagem padronizada. Rev. bras. enferm.[online]., v.64, n.6, pp.1157-1160. 2011

HERMIDA, P. M. V.; BARBOSA, S. S.; HEIDEMANN, I. T. S. B. Metodologia ativa de ensino na formação do enfermeiro: inovação na atenção básica. Revista de Enfermagem da UFSM, [S.l.], v. 5, n. 4, p. 683-691, dez. 2015.

LIRA, A. L. B. C.; LOPES, M. V. O. Nursing diagnosis: educational strategy based on problem-based learning. Rev. Latino-Am. Enfermagem [online]., v.19, n.4, pp.936-943. 2011

MARIN, M. J. S. et al.Aspectos das fortalezas e fragilidades no uso das metodologias ativas de aprendizagem. Rev. bras. educ. med. [online]. v.34, n.1, pp.13-20. 2010.

MENDES, K. D. S. ET al. Revisão integrativa: método de pesquisa para a incorporação de evidências na saúde e na enfermagem. Texto Contexto Enferm. Florianópolis. Out-Dez; 17(4): 758-64. 2008.

MESQUITA, S. K. C.; MENESES, R. M. V.; RAMOS, D. K. R. Metodologías activas de enseñanza/aprendizaje: dificultades de docentes de un curso de enfermería. Trab. educ. saúde [online]. v.14, n.2, pp.473-486. Epub Apr 01, 2016.

MITRE, S. M. et al.Metodologias ativas de ensino-aprendizagem na formação profissional em saúde: debates atuais. Ciênc. saúde coletiva [online]. v.13, suppl.2, pp.2133-2144. 2008

PRADO, M. L. et al. Arco de Charles Maguerez: refletindo estratégias de metodologia ativa na formação de profissionais de saúde. Esc. Anna Nery [online]. v.16, n.1, pp.172-177. 2012.

RODRIGUEZ-BORREGO, M. A. et al . Pressupostos teóricos da sensibilidade de Maffesoli e Aprendizagem Baseada em Problemas na Educação de Enfermagem.Rev. Latino-Am. Enfermagem, Ribeirão Preto , v. 22, n. 3, p. 504-510, jun. 2014 .

SOBRAL, F. R.; CAMPOS, C. J. G.Utilização de metodologia ativa no ensino e assistência de enfermagem na produção nacional: revisão integrativa. Rev. esc. enferm. USP [online]. vol.46, n.1, pp.208-218. 2012.

SOARES, A. N. et al. Role Playing Game (RPG) na graduação em enfermagem: potencialidades pedagógicas. Revista Eletrônica de Enfermagem, Goiânia, v. 18, dez. 2016. Disponível em: . Acesso em: 17 mar. 2018.

WATERKEMPER, R.; DO PRADO, M. L.Estratégias de ensino-aprendizagem em cursos de graduação em Enfermagem. Rev. Bras. enferm. [online]., v.29, n.2, pp.234-246. 2011.
Publicado
2019-01-08
Seção
II Simpósio de Produção Científica do Curso de Enfermagem da UniEVANGÉLICA