MODELO ALTERNATIVO PARA MELHORAR A ACUIDADE MOTORA DE ESTUDANTES NA REALIZAÇÃO DE SUTURAS E DESCOLAMENTOS EM ODONTONTOLOGIA. UMA OUTRA VISÃO!

  • Ana Carolina de Morais Silva
  • Beatriz de Amorim Santos
  • Daniela Ribeiro Dias
  • Eduardo Acácio de Sousa
  • Gabriela Rodrigues Pinheiro de Almeida
  • Henrique da Silva Filho
  • Naira Geovana Camilo
  • Mario Serra Ferreira
  • Satiro Watanabe
  • Wilson José Mariano Júnior

Resumo

As manobras cirúrgicas devem ser executadas precisamente e com maior acuidade possível. O treinamento de incisão, exérese e síntese, são essenciais para aumentar a habilidade do cirurgião na prática clínica. Inúmeros modelos são criados e utilizados com este escopo. Além de adestrar suas mãos na arte da cura, o profissional deve buscar sentir o instrumental como se fosse um prolongamento de seu próprio corpo, movendo-o com delicadeza e firmeza. O objetivo deste trabalho é o de apresentar uma mesa demonstrativa que irá estimular a necessidade da concentração, calma e paciência. A atividade com os participantes será realizada em dois momentos: Na primeira etapa, serão realizadas diversas suturas em frutas e o descolamento em ovo cozido. A consistência dos modelos torna-se um obstáculo, estimulando a conquista de um toque suave e moderado. Na segunda etapa, os participantes terão os olhos vendados, anulando completamente sua acuidade visual. Vídeos foram disponibilizados para nortear os interessados na exposição. Utilizou-se também de frutas como uvas, mexericas, bananas e maçãs, que estavam expostas na mesa, para realizar as suturas do tipo X, U, simples, simples contínuo e contínuo festonado e para a realização do descolamento, ovos cozidos. Com a utilização de bisturi com lâmina número 15, descolador de Molt, pinça Dietrich, pinça porta agula e fio de sutura de náilon 5-0, os participantes vendados realizaram incisões e suturas no alimento de escolha. A ausência deste sentido demonstrará a necessidade de uma maior concentração e estimulará a livre reflexão sobre a inclusão e a acessibilidade em nossa sociedade. Realizar-se-à então, um registro fotográfico e a votação do melhor modelo suturado. O resultado foi positivo, atraindo a curiosidade dos discentes presentes na V Mostra Cultural do Curso de Odontologia/III CIPEEX. Os mesmos perceberam que por mais que o ato seja simples e feito no dia-a-dia clínico, quando submetidos para realizá-lo em frutas e com o participante vendado a dificuldade torna-se maior, exigindo uma maior destreza e delicadeza tanto na sutura, quanto para o descolamento. Para tanto, conclui-se nesse trabalho que o treinamento das técnicas de suturas auxilia os acadêmicos a realizarem corretamente os procedimentos cirúrgicos, sendo essa etapa crucial para um bom prognóstico.

Palavras-Chave: Técnicas de Sutura; Frutas; Destreza Motora.

Publicado
2019-01-11
Seção
V Mostra Cultural do Curso de Odontologia