RELATOS DE EXPERIÊNCIAS VIVENCIADAS NO CAMPO DE ESTÁGIO

BLUEWINDOU ENERGIA EIRELI

  • José Mário Carvalho UniEvangelica
  • Márcio José Dias
Palavras-chave: Energia, fotovoltaico, irradiação, eficiência.

Resumo

No âmbito do trabalho feito no estágio, grande parte dos trabalhos foram desenvolvidos em campo. A empresa BLUEWINDOW ENERGIA oferece espaço de estagio para alunos do CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIEVANGÉLICA, objetivo da empresa com seus estagiários é de promover o pensamento de empreendedor, responsabilidade e determinação. A BLUEWINDOW ENERGIA oferece ao mercado como produto a economia financeira dos seus clientes a partir da eficiência energética, com planos de troca subsidiada de motores WEG, sistemas de controle em queda de energia, sistemas fotovoltaicos entre outros. Com este espaço é notório a grande possibilidade de observa negociações com clientes. A designação dos estagiários nas áreas de projeto, cálculos e comercia os leva a ter total responsabilidade nos projetos, claro com toda supervisão da gerencia BLUEWINDOW ENERGIA. A BLUEWINDOW ENERGIA  se encontra no escritório na rua Marcilio Dias no centro da cidade em Anápolis com carga horário definida em 6 horas diárias. O trabalho desenvolvido no primeiro mês de estagio foi na área técnica comercial onde era desenvolvido projetos fotovoltaicos na parte de cálculos e montagem de propostas de venda, neste momento foi desenvolvido por minha parte um programa para acelerar os cálculos e montagem de propostas. No segundo mês fui designado para área de elaboração de projetos em cad, homologação dos sistemas fotovoltaicos e acompanhamento das obras de sistemas elétricos, no qual estive por 3 meses. Deste período em diante fui designado para supervisão das obras, fazendo controle de equipe de montagem e instalação dos sistemas elétricos, ainda na parte de projetos modificado para projetos executivos, no qual tem caráter de maior responsabilidade, pois a partir deste projeto é onde se verifica a quantidade de material que sera usada na obra a formatação real da instalação elétrica.  

Publicado
2019-01-04
Seção
III SINACEN - Simpósio Nacional de Ciências e Engenharias