RELATOS DE EXPERIÊNCIAS VIVENCIADAS NO CAMPO DE EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL – VALIDAÇÃO COMO ESTÁGIO

  • Silvio Mendonça UniEvangélica - Centro Universitário de Anápolis
  • Márcio José Dias

Resumo

O Centro Universitário de Anápolis - UniEVANGÉLICA é uma das maiores e melhores instituições de ensino
superior de Goiás. Oferece cursos de graduação, pós-graduação e mestrado e tem hoje cerca de 10 mil alunos.
A instituição conta com uma estrutura privilegiada com excelentes bibliotecas, laboratórios modernos e um
corpo docente altamente qualificado. A Jalles Machado S/A é uma empresa do ramo sucroalcooleiro situada
no município de Goianésia, Goiás. Possuindo duas unidades, atualmente a Jalles Machado tem sua produção
de etanol anidro, industrial e hidratado, açúcar convencional e orgânico, produtos de higiene e limpeza, energia
elétrica, levedura e látex crescente a cada ano. A produção é vendida no mercado brasileiro e exportados para
a Europa, Japão, Estados Unidos, Canadá, China e Comunidades Judaica e Muçulmana. Existem, portanto,
diversos processos produtivos dentro do pátio industrial da empresa, partindo desde o preparo de solo para
plantio da cana-de-açúcar até o empacotamento do produto final. Este trabalho teve como objetivos relatar as
experiências vivenciadas durante a realização do estágio supervisionado obrigatório, realizado na Oficina de
Manutenção Agrícola. A carga horária das atividades do estágio foi de 300 horas/aulas, e foram desenvolvidas
sob a supervisão dos Eng. Luís Antônio Gallo e João Victor Silva, sempre acontecendo em carga horária de 8
horas diárias, de segunda a sexta feiras. Essa experiência profissional será ser validada como estágio, tendo
como principais atividades na oficina de manutenção o planejamento, gerenciamento e suporte de manutenção
preventiva, corretiva e preditiva de equipamentos mecanizados utilizados no preparo de solo, plantio, colheita,
carregamento e transporte de cana de açúcar, partes muito importantes no processo produtivo sendo
responsáveis pelo abastecimento de matéria prima da indústria. Os resultados esperados foram redução de
consumo de combustíveis, aumento da disponibilidade e produtividade dos equipamentos, e redução geral dos
custos de manutenção, utilizando indicadores MTBF e MTTR.

Publicado
2019-01-17
Seção
III SINACEN - Simpósio Nacional de Ciências e Engenharias